Pessoal,

Essa dica é boa. Pode ser que alguns já conheçam, mas vale a pena citar. O colega Allan Timo enviou para mim uma planilha de controle de estudos, que segundo ele, foi utilizada pelo primeiro lugar do último concurso do Bacen. Dei uma googlada e as informações procedem – valeu Allan!

O material é muito bom, de autoria de Luiz Eduardo Laydner Cruz. É parte de toda uma “metodologia” de preparação do mesmo, descrita aqui neste site.

A idéia é relativamente simples, baseada no que o Demétrio Pepice, primeiro colocado no concurso de auditor da receita de 2005, propõe: controle rigoroso do tempo de estudo, através, inclusive, de cronometragem.

Bem, o Luiz Eduardo melhorou a idéia, e a planilha conta, com várias abas que em suma, permitem:

  • A cronometragem do tempo de estudo, com uma timesheet para alocar o tempo de estudo e controlar quanto desse tempo alocado já foi cumprido;
  • Abas para anotações e para inserir os tópicos do edital;
  • Aba que controla semanalmente as horas estudas;
  • Abas que geram gráficos do desempenho do estudo, considerando tanto as horas estudadas por semana, quanto horas totais estudadas.

Essa planilha vai te aprovar no Bacen, em primeiro lugar? Definitivamente não, assim como a minha folha de estudos não me fez passar em quarto no MPU, ou em primeiro na Dataprev. Mas, assim como no post anterior, afirmo: para quem tem dificuldade de estabelecer um processo, um método de estudar, basear-se em exemplos de sucesso pode ser uma estratégia e te poupar um bom tempo.

Na minha opinião ela pode ser o “pulo do gato”, por quatro motivos:

  • ajuda a controlar as horas que você estudou DE VERDADE para a prova e quanto falta para sua meta;
  • incentiva a disciplina e o foco, essenciais para concursos;
  • permite a comparação histórica do seu desempenho nos estudos;
  • escancara que você não está estudando p*** nenhuma, enquanto jura aos amigos e familiares que está “morrendo de estudar”.

Segue o link para download. Caso você passe a utilizar esta planilha e tenha boas experiências para compartilhar, comente aqui neste post. E , é claro, não se esqueça de mandar um email ao autor.

Por fim, meus agradecimentos ao autor da planilha, Luiz Eduardo, por compartilhar sua experiência abertamente na internet, bem como ao Allan Timo, pela dica.

Grande abraço a todos os TIMasters!

Fagury.